Maio Amarelo promove empatia no trânsito

Por maio 13, 2021Blog, Capa
Maio Amarelo alerta para intolerância como reflexo dos altos índices de mortes e acidentes no trânsito. São mais de 50 milhões de pessoas mortas e feridas por ano. Os números são comparados aos de uma pandemia.

Campanha alerta para intolerância como reflexo dos altos índices de mortes e acidentes no trânsito. São mais de 50 milhões de pessoas mortas e feridas por ano. Os números são comparados aos de uma pandemia. 

“Respeito e Responsabilidade: pratique no trânsito”. É com esse tema que a campanha 2021 do Maio Amarelo busca alertar para os altos índices de mortes e feridos no trânsito no mundo. A mensagem traz a reflexão sobre como a impaciência e intolerância contribuem para tais estatísticas, e destaca a empatia como carro chefe da convivência entre motoristas, pedestres, motociclistas e ciclistas.

Os acidentes de trânsito no mundo têm números  de pandemia. São mais de 50 milhões de pessoas mortas e feridas por ano. Por isso, a campanha reforça a importância da atitude responsável de cada indivíduo para um trânsito seguro. 

Idealizada pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, a campanha é coordenada entre o Poder Público, iniciativa privada e a sociedade civil organizada. 

Transporte coletivo: menos mortes no trânsito

No Espírito Santo, até março deste ano, 165 pessoas perderam a vida em decorrência de acidentes de trânsito. Desse total, 48% eram motociclistas, de acordo com os dados do Observatório Estadual de Segurança Pública, da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp). No acumulado de 2020, no entanto, foi registrada uma redução de 7,1% (806 / 749) no número de vítimas fatais no trânsito se comparado ao total de 2019.

Diante disso, dados do Ministério da Saúde apontam o ônibus como o meio de deslocamento mais seguro, responsável pelo menor índice de mortes no trânsito.  O modal leva um terço da população, mas é responsável por uma em cada 200 mortes no trânsito, ou seja, 0,48% do total.

No mundo, 1,35 milhão de pessoas perdem a vida no trânsito, segundo números apresentados em fevereiro de 2020, na Suécia, durante a 3ª Conferência Global de Segurança Viária, promovida pela ONU/OMS. O último dado de mortes ocorridas no Brasil, disponibilizado pelo Ministério da Saúde e compilados pelo OBSERVATÓRIO, registrou em 2019, 31.945 vidas perdidas.

O GVBus e as empresas que operam o Sistema Transcol apoiam essa iniciativa e incentivam seus motoristas a levarem a empatia e o respeito em todas as viagens que realizam. “Também primamos pela cordialidade e o respeito no atendimento aos nossos clientes nos demais serviços que prestamos”, enfatiza o diretor executivo do GVBus, Elias Baltazar. O GVBus é responsável pela bilhetagem eletrônica e a comercialização do CartãoGV.

O Movimento 

Lançado em 2014, o Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito. A escolha do mês deve-se ao fato de que em 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo realiza. O amarelo, por sua vez, simboliza atenção e também a sinalização e advertência no trânsito.

Confira aqui o vídeo institucional da campanha.

Comunicação GVBus

Autor Comunicação GVBus

Mais posts de Comunicação GVBus

Deixe um comentário