Você sabia? Gratuidades oneram tarifas em 21,1%

Por novembro 29, 2018Blog, Capa, Você sabia
Gratuidades oneram em 21% as tarifas

Você sabia que os custos dos insumos do transporte coletivo são crescentes, e que as gratuidades concedidas representam outro ônus às tarifas do transporte público?

É o que revela levantamento feito pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos-NTU, usando dados das principais capitais do país.

Segundo a NTU, ao longo das últimas décadas, o número de passageiros que usufrui de algum benefício tarifário (gratuidade e outras isenções) vem crescendo e já representa 21,1% do total dos passageiros transportados no país, conforme indicado no gráfico. Em algumas cidades esse número ultrapassa a metade da demanda diária (para o cálculo da ocorrência é considerada a equivalência das categorias que recebem descontos tarifários. Por exemplo, 2 estudantes que recebem 50% de desconto, resultam em 1 passageiro gratuito).

Gratuidades

Atualmente, o custo das gratuidades é repassado diretamente aos demais usuários que pagam a tarifa integralmente – o que acontece com o Transporte Municipal de Vitória, por exemplo. Ou seja, além do custo unitário do transporte, o cálculo da tarifa inclui ainda o rateio do custo das gratuidades.

No Sistema Transcol, as tarifas de estudantes e pessoas com deficiência são subsidiadas pelo governo, porém, passageiros com mais de 65 anos anos andam de forma gratuita, sem subsídio repassado pelo poder público.

Leia também: Câmeras ajudam no combate ao assédio nos ônibus

“O financiamento das gratuidades por fontes específicas de custeio, além de reduzir imediatamente o valor das tarifas, garante justiça social aos usuários do transporte público”, esclarece e defende Otávio Cunha, presidente executivo da NTU.

Os custos dos insumos do transporte coletivo são crescentes, mas as gratuidades concedidas representam outro ônus às tarifas do transporte público.

Fonte: Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos-NTU.

Fonte: Revista NTUrbano ed. 35 – Outubro/Novembro 2018, página 21.

Comunicação GVBus

Autor Comunicação GVBus

Mais posts de Comunicação GVBus

Deixe um comentário