Governo distribui máscaras nos terminais

O Terminal de Campo Grande foi o primeiro local a receber a entrega dos kits, que vêm com duas máscaras e um panfleto com instruções de uso

A entrega dos kits começou pelo Terminal de Campo Grande. Cada pacote contém duas máscaras e um panfleto com instruções de uso. Serão entregues um milhão de unidades de proteção

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi) e da Companhia Estadual de Passageiros (Ceturb-ES), e parceria com do Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus), começou a distribuição de um milhão de máscaras para a população da Grande Vitória que utiliza o transporte coletivo. A ação teve início na manhã desta segunda-feira (4) no Terminal Campo Grande, em Cariacica. Foram distribuídos cinco mil kits (10 mil máscaras) na manhã de hoje, com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar e das empresas operadoras do sistema.

As máscaras serão distribuídas ao longo das próximas semanas, seguindo uma programação para atingir o maior número de pessoas possível. Na primeira semana, a distribuição vai ocorrer nos terminais Campo Grande (hoje), Laranjeiras (amanhã), Vila Velha (06), Itacibá (07) e Campo Grande (08). Já na segunda semana, será a vez dos terminais Carapina, Ibes, Jacaraípe, São Torquato e Jardim América (a programação deve ser definida até o final da semana). Depois, as entregas seguem um rodízio entre os terminais até a completa distribuição das máscaras.

“Cada kit possui duas máscaras e um panfleto com instruções para a correta utilização do EPI (equipamento de proteção individual). É muito importante que a população faça uso da máscara sempre que sair de casa e também ao usar o transporte público. A prevenção ao novo Coronavírus é um ato coletivo. O governo está fazendo a sua parte e contamos com a colaboração da população que deve fazer a parte dela”, destacou o secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno.

Leia mais: Rodoviários recebem kits de proteção à Covid-19

Na última semana o Sistema Transcol lançou uma versão pré-paga do CartãoGV, como forma de diminuir a circulação de dinheiro nos coletivos. Esta modalidade do Bilhete Único Metropolitano é comercializada pelo valor de R$ 7,80 (duas tarifas) e não há necessidade de cadastrar o CPF.

O CartãoGV pré-pago pode ser recarregado normalmente e com qualquer valor no site (www.cartaogv.com.br), no aplicativo ÔnibusGv, nas máquinas de auto atendimento, com os agentes de vendas, nas lojas e postos do GVBus ou ainda na rede de parceiros credenciados (lista completa também no site do CartãoGV).

O Sistema Transcol vem adotando uma série de medidas para diminuir o risco de contágio no transporte coletivo desde o início das restrições de circulação em decorrência da pandemia. Entre elas estão o reforço na higienização dos coletivos com hipoclorito de sódio diluído, conforme orientações da Secretaria da Saúde (Sesa), reforço na limpeza dos terminais e disponibilização de sabonete nos banheiros, afastamento de colaboradores do sistema com mais de 60 anos, com comorbidades ou com sintomas gripais, retirada dos veículos com ar-condicionado de circulação, superdimensionamento da operação para garantir o transporte, minimizando o risco de contaminação, recomendação para que passageiros embarquem somente em veículos com assentos disponíveis, marcação das filas nos terminais e recomendação aos passageiros para manutenção do distanciamento mínimo de 1,5 metro, além da distribuição de álcool gel e máscaras para os trabalhadores do sistema.

O diretor executivo do GVBus, Elias Baltazar, lembra ainda que as empresas, em parceria com o Governo, já distribuiu mais de 20 mil máscaras e kist com álcool em gel para os rodoviários. “A medida visa atender a determinação de que todos motoristas, cobradores e fiscais estejam com a máscara em seu horário de trabalho”, explica.

AGENDA

04/05 – Campo Grande
05/05 – Laranjeiras
06/05 – Vila Velha
07/05 – Itacibá
08/05 – Campo Grande

Comunicação GVBus

Autor Comunicação GVBus

Mais posts de Comunicação GVBus

Deixe um comentário