CartãoGV ganha versão pré-paga

Por abril 28, 2020Acontece, Capa
Medida visa a diminuir ainda mais a circulação de dinheiro nos coletivos da Grande Vitória; lojas do GVBus estão com horário de atendimento ampliado.

Medida visa diminuir ainda mais a circulação de dinheiro nos coletivos da Grande Vitória. As Lojas do GVBus, os agentes de vendas nos terminais e cobradores de algumas linhas estão comercializando os cartões, que já vêm com duas tarifas, no valor de R$ 7,80

Cerca de 30% dos passageiros que utilizam o Sistema Transcol na Região Metropolitana ainda utilizam o dinheiro como forma de pagamento da tarifa. Visando a reforçar o uso do CartãoGV (Bilhete Único Metropolitano) como forma de prevenção ao novo coronavírus, começa a ser comercializada, nesta quarta-feira (29), uma versão pré-paga do cartão.

Será possível adquirir a nova modalidade do CartãoGV pelo valor de duas tarifas (ida e volta – R$ 7,80), com os cobradores nos coletivos. Este cartão pode ser recarregado (inclusive via aplicativo, on-line ou no autoatendimento), mas não terá o CPF vinculado. Desta forma, em caso de perda ou roubo não será possível reaver os créditos. Assim, é recomendável procurar os postos do GVBus ou agentes de venda para cadastrar o CPF assim que possível.

A partir da próxima segunda-feira (04), o CartãoGV também passa a ser comercializado pelo valor mínimo de duas tarifas nas lojas do GVBus, que estão com horário estendido, pelos agentes de vendas nos terminais e no MobiGV, que percorre os bairros da Grande Vitória, ou ainda na rede de parceiros (lista completa disponível no site www.cartaogv.com.br. O valor mínimo ficará em vigor enquanto durar a pandemia.

Leia mais: atendimento em alguns postos do GVBus suspensos

Outra medida que será adotada para incentivar o uso do CartãoGV é a exclusão da taxa de segunda via do cartão pelo período de 90 dias. Como o cartão é entregue em sistema de comodato ao usuário, em caso de perda havia uma cobrança de taxa de segunda via definida pela Ceturb-ES com o valor de dez tarifas (atualmente R$ 39,00). Este valor deixará de ser cobrado para quem quiser fazer a segunda via do cartão.

O Sistema Transcol vem adotando uma série de medidas para diminuir o risco de contágio no transporte desde o início das restrições de circulação. Entre elas estão o reforço na Higienização dos coletivos com hipoclorito de sódio diluído, conforme orientações da Secretaria da Saúde; reforço na limpeza dos terminais e disponibilização de sabonete nos banheiros; afastamento de colaboradores do sistema com mais de 60 anos, com comorbidades ou com sintomas gripais; retirada dos veículos com ar-condicionado de circulação; superdimensionamento da operação para garantir o transporte, minimizando o risco de contaminação; recomendação para que passageiros embarquem somente em veículos com assentos disponíveis; marcação das filas nos terminais e recomendação aos passageiros para manutenção do distanciamento mínimo de 1,5 metro; e distribuição de álcool gel e máscaras para os trabalhadores do sistema.

Linhas com cartão pré-pago

507, 514, 515, 518, 523, 525, 526, 532, 559, 572, 613, 616, 617, 619, 621, 650, 654, 658, 662, 669, 672, 707, 715, 716, 726, 727, 728, 741, 743, 757, 758, 770, 783, 793, 802, 810, 817, 818, 819, 829, 847, 849, 854, 858, 877, 886, 890, 896, 901, 906, 907, 908, 909, 919

Onde adquirir/ Recarregar o CartãoGV

Site: (www.cartaogv.es.gov.br)
Aplicativo: ÔnibusGV (disponível para Android e IOS)
Cobradores: nos coletivos
Lojas nos Terminais
Agentes de vendas (terminais e MobiGV)
Rede de Parceiros

Veja lista completa aqui.

Comunicação GVBus

Autor Comunicação GVBus

Mais posts de Comunicação GVBus

Deixe um comentário